Natal Acessar Credit Consult Acessar Credit Consult


Notícias

Decreto Municipal: Comércio de Rondonópolis estará fechado até o dia 31 de março

Data: 21/03/2020 - Fonte: Assessoria Jurídica Acir/ Assessoria de Imprensa Acir
Decreto Municipal: Comércio de Rondonópolis estará fechado até o dia 31 de março

Com exceção das atividades e serviços essenciais, como a abertura de supermercados, farmácias e postos de gasolina, está suspensa em primeira ordem a abertura do comércio no município  

Em reunião realizada neste sábado(21/03), na prefeitura de Rondonópolis, com a participação do Comitê Gestor de Crise, e de representantes de Sindicatos do Comércio Varejista, Patronal, Laboral, a Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Rondonópolis – ACIR, e a Câmara de Dirigentes Lojistas -CDL, ficou decretado a paralização do comercio local com exceção dos serviços e atividades essenciais.

Foi determinado em caráter obrigatório pela prefeitura:

* Que o funcionamento das feiras livres sejam somente para a comercialização de gênero alimentícios. Não poderá haver consumo de alimentos manufaturados no local.

* Suspender as atividades em bares, lanchonetes, trailer de lanches, restaurantes, cafés, padarias, pizzarias, conveniências;

* Suspender o atendimento ao público em todas as agências bancárias, públicas e privadas, casas lotéricas;

* Suspensão do corte de água em igrejas, salões comunitários e população baixa-renda que paga tarifa social;

* Suspender o funcionamento do Transporte Urbano Coletivo, serviços de Moto-Táxi e transporte por aplicativos;

* Suspender o funcionamento de hotéis, motéis e casas de diversões;

* Suspender as atividades de saúde bucal/odontológica;

* Suspender o funcionamento de clínicas de estética e salões de beleza;

* Suspender as atividades de auto escolas e similares;

* Suspender o funcionamento das indústrias;

* Suspender todas as obras de construção civil, com exceção das obras da área da saúde;

* Suspender o funcionamento de shopping centers e dos estabelecimentos situados em galerias ou pólos comerciais de rua atrativos de compras; 

* Suspender o funcionamento do comércio local, com exceção dos serviços essenciais, a exemplo de hospitais, laboratórios, clínicas veterinárias, farmácias, postos de gasolina, empresas de distribuição de insumos hospitalares, mercados, açougue;

* Que os postos de gasolina funcionarão de segunda a sexta, no período de  7h às 18h;

Todas as medidas excepcionais adotadas pelo Município, serão por dez dias, podendo este prazo ser prorrogado. O decreto entra em vigor a partir de hoje, 21 de março de 2020.

Deixe seu comentário

* Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

Veja também

OS CONTRATOS DE LOCAÇÃO E A CBMAE-ACIR EM TEMPO DE PANDEMIA DO CORONAVÍRUS.

Desde 2014 a Câmara Brasileira de Mediação e Arbitragem Empresarial da Associação Comercia

SAIBA

Acir solicita novamente a prorrogação do vencimento do IPTU e impostos municipais

Conforme o Decreto Municipal N°9.453 do dia 02 de abril de 2020, a prefeitura de Rondonópolis

SAIBA

Acir e Sicoob lançam linha de crédito para associados

A pandemia ocasionada pelo COVID-19, está afetando fortemente a economia mundial, a instabilid

SAIBA

NORMAS PARA CADA SEGMENTO CONFORME DECRETO MUNICIPAL E ESTADUAL

De acordo com o Decreto Municipal de número 9.443, de 31 março de 2020, com vigência do dia

SAIBA

Decreto Municipal elenca as atividades que continuam suspensas em Rondonópolis

Novo Decreto Municipal publicado pela Prefeitura de Rondonópolis nesta terça-feira (31/03), c

SAIBA

Prefeito publica novo Decreto que permite a abertura de alguns segmentos do comércio em Rondonópolis

Novo Decreto Municipal publicado pela Prefeitura de Rondonópolis nesta terça-feira (31/03), c

SAIBA

Emergencial: Linha de crédito para aliviar crise é bem recebida

Segundo avaliação de entidades/profissionais, empresas terão um fôlego extra para superar a

SAIBA